Resultados campanha Julho Verde 2017

Em 2015 nos Estados Unidos durante uma Conferência Mundial foi instituído o dia 27 de Julho como Dia do Câncer de Cabeça e Pescoço. De lá pra cá, as entidades brasileiras relacionadas à especialidade começaram a falar a respeito dessa patologia com a sociedade e a mídia a fim de fazer com que as informações pertinentes à detecção precoce, os sintomas, causas e formas de tratamento viessem a público. Em 2016 a ACBG Brasil elaborou o projeto da campanha e captou recurso para conceber a primeira Campanha Nacional JULHO VERDE para que todos os Estados do Brasil falassem a mesma linguagem e tivessem a mesma identidade visual com o objetivo de ganhar maior presença na mídia e lembrança na memória da população. Entidades como SBCCP, Sbfa, SBOC, SBRT, ABORLCCF, CREFONO, AMUCC, ONCOGUIA aceitaram participar da campanha e se comprometeram a multiplicar a campanha com seus associados e seus canais de comunicação para que a mensagem fosse o mais longe possível, e foi! Clique aqui para baixar o relatório completo da campanha.

Com a participação intensa de várias instituições de saúde e suas equipes do serviço de cirurgia de cabeça e pescoço conseguimos impactar mais de 514.000 pessoas com mais de 400 postagens nas redes sociais. Durante a campanha, a Associação teve 7 aparições em emissoras de TV, 53 menções na mídia em geral. Foram 245 menções à campanha, em veículos de 23 estados brasileiros. Nas regiões do país, houve grande força no sul, sudeste e nordeste. Vale destacar a entrevista para a Agência BR Mais News (http://www.brmaisnews.com.br/julho-verde-alerta-para-o-cancer-de-boca-e-garganta), que não está na lista da clipagem, por distribuir conteúdo para emissoras menores. A reportagem foi veiculada por 193 emissoras diferentes em 22 estados, atingindo um público diferente daquele dos grandes veículos. A campanha foi destaque em grandes portais nacionais (Terra, Agência O Globo,R7, Agência Brasil, entre outros) e importantes veículos regionais. A divulgação também destacou as parcerias, gerando visibilidade aos apoiadores em veículos impressos e da internet. As entrevistas em emissoras de rádio mostraram o trabalho da associação nas principais emissoras do país, como Jovem Pan, Rádio BandNews FM, CBN. De norte a sul, os fonoaudiólogos tiveram atuação determinante para o sucesso da campanha, pois eles, juntamente com os cirurgiões e outros colegas realizaram ações de abordagem com folhetos explicativos nas ruas e locais públicos, fizeram caminhadas vestidos com a camiseta da campanha, levaram seus corais de laringectomizados a se apresentarem em vários lugares das cidades fazendo com que a população conheça aceite e respeite o “diferente”. Durante o mês de Julho várias audiências públicas foram realizadas nas esferas municipais, estaduais e federais. A ACBG esteve em Brasília juntamente com Dr. Fernando Walder, Presidente da SBCCP numa audiência pública para falar sobre o Câncer de Cabeça e Pescoço no Brasil e todos os seus gargalos. Na sequencia foi protocolado pedido da ACBG pra instituição do mês de Julho como mês nacional do câncer de cabeça e pescoço no País. Essa foi à primeira campanha de muitas que faremos todos juntos para melhorar as condições de trabalho dos profissionais e a atenção aos pacientes dessas patologias que vem crescendo muito nos últimos anos. Então, vamos juntos em 2018?

0 respostas

Deixe uma resposta

Participe da discussão :)
Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *